Paródia – Simone de Beauvoir

Simone de Beauvoir e a teoria política – Blog da Boitempo
Simone de Beauvoir em retrato de Henri Cartier Bresson. Magnum, Paris, 1945.

Bora, se livra

João Bobo e Pinico

Autor: Rafael Ayan

Paródia baseada na música “Chora, me liga”, de João Bosco e Vinícius e apresentada em trabalho acadêmico da graduação em Serviço Social pela Universidade de Brasília em 08/12/2010 (com modificações).

Música: https://www.youtube.com/watch?v=tqSr19HNPlM

Data: 07/12/2010

Agora vamos estudar

A Simone de Beauvoir

Eu libertei, meu bem me libertei

.

A liberdade é Estética sim

Sexual e Artística para mim

Eu libertei, meu bem me libertei

.

Nosso caminho é assim

Rumo à libertação

Considerando a parte econômica

E a fragilidade então

.

E todos vamos lembrar

Que na filosofia

Não é só mulher que sente dor

Tampouco vê no homem um guia

.

Bora, se livra, agora

Mulher não é jogo

Se tu apanhas do ogro

Tem que denunciar            REFRÃO

Bora, se livra, agora

Que o tempo passou

Se não melhorou

Se emancipe com Simone de Beauvoir

Sobre ayanrafael

Pedagogo, Assistente Social e Mestre em Educação pela Universidade de Brasília. Trabalhou como técnico-administrativo na Universidade de Brasília, como Professor de Atividades da SEEDF (Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal) e atualmente é Especialista Socioeducativo - Pedagogo na Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania do Distrito Federal, lotado no Centro Integrado 18 de Maio.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s